domingo, 9 de agosto de 2009

HISTÓRICO DA EEB DOM JOAQUIM



HISTÓRICO


HISTÓRICO DA ESCOLA DE EDUCAÇÃO BÁSICA DOM JOAQUIM - Braço do Norte/SC

Em 1º de agosto de 1923, foram iniciados os trabalhos na ESCOLA PAROQUIAL ‘DOM JOAQUIM’. Eram professores: Antônio Rohden, Pedro Scharf e Roberto Kniess, que administravam aulas para 122 alunos. O diretor, na época, era o Pe. Nicolau Gesing.
Em 17 de janeiro de 1930, pelo Decreto nº 2.362, o Dr. Adolfo Konder, então governador do estado de Santa Catarina, equiparou a Escola Paroquial aos Grupos Escolares do estado, com a denominação de GRUPO ESCOLAR ARQUIDIOCESANO DOM JOAQUIM DOMINGUES DE OLIVEIRA. Nessa época, eram professores: Pedro Michels, Pedro Scharf, Isaltina E. Nunes e Antônio Rohden. Era diretor o Pe. Jacob Luiz Neibel.
Em 30 de março de 1930, é fundada a Biblioteca São Luiz, que mais tarde passa a ter a denominação de Biblioteca Pe. Anchieta, a qual conserva, ainda hoje, um pequeno acervo de livros publicados de 1915 a 1960.
Em 1934, assumiu a direção do Grupo Escolar o Sr. Manoel Coelho.
Em 1936, assumiu a direção o Sr. Antônio Rohden.

Em 15 de fevereiro de 1941, instalou-se, anexo ao Grupo Escolar, o CURSO COMPLEMENTAR, criado pelo Decreto nº 948.
Em 1943, a direção era assumida pela Sra. Angélica dos Santos Guedes Cabral.
Aos 06 de agosto de 1944, foi concluída a construção do atual prédio, o qual foi inaugurado com a presença do Interventor Federal Sr. Dr. Nereu Ramos e de nosso Patrono Excelência Reverendíssima Dom Joaquim Domingues de Oliveira, DD. Arcebispo Metropolitano de Estado de Santa Catarina.

Em 1945, assumiu a direção do Grupo Escolar o Sr. Lauro Locks.
Em 1947, a direção era assumida pela Sra. Olga Horn de Arruda.
Em 1o de março de 1950, através do Decreto nº 602, anexo ao Grupo Escolar Dom Joaquim, foi criado o CURSO NORMAL REGIONAL JOÃO GUIMARÃES PINHO.
Em 1963, o Curso Normal Regional João Guimarães Pinho passou a denominar-se GINÁSIO NORMAL JOÃO GUIMARÃES PINHO.
Em 08 de março de 1965, foi instalado o II GRAU, com o nome de COLÉGIO NORMAL PROFESSOR LAURO LOCKS, através do Decreto nº 3.411 que funcionava no prédio do Grupo Escolar Dom Joaquim.
Em 1971, assumia a direção a Sra. Maria Osvalda Pereira.
Em 1972, o Ginásio Normal, vinculado ao Colégio Normal Profº Lauro Locks, foi transformado, sem decreto, em CICLO BÁSICO DO COLÉGIO NORMAL.
Em 10 de agosto de 1976, por ato do Poder Executivo, no Decreto nº 1.192, passou a compor um só estabelecimento de ensino de 1o e 2o graus o então Grupo Escolar Dom Joaquim e o Colégio Normal Profº Lauro Locks, com a denominação de COLÉGIO DOM JOAQUIM. Nessa época, em 1976, assumiram a direção os seguintes educadores: Terezinha Arlete Kuerten Bianchini – diretora geral; Enid Daufenbach – diretora de 1o grau; Martinho Guilherme Oenning – diretor de 2o grau.
Em 1983, criou-se a pré-escola.
Em 1987, a direção era composta pelos educadores: Maria Ana Pires de Oliveira (Cotinha) – diretora geral – e Fridolino José Isidoro – diretor adjunto.
Em 1991, a direção era assumida por: Inivaldo João Ostrowski – diretor geral; Terezinha Volpato – diretora adjunta; Nivaldo de Oliveira Souza, em 1992, - também como diretor adjunto.
Em 1995, assumira a direção: Rita Azevedo – diretora geral; Marlene de Oliveira Santos e Terezinha Volpato – diretoras adjuntas; esta última, substituída, em 1996, por Zélia Della Giustina Guinzani.
Em 1999, assumem a direção: Maria Niehues Soeth e José de Oliveira Knaben (Biduca)
Até 1999, o Colégio Estadual Dom Joaquim possuia a Educação Infantil (antes pré-escola), Educação Fundamental (antes primário e ginásio), Ensino Médio (Curso de Educação Geral) e o Curso de Magistério, com Habilitação em Educação Infantil e Séries Iniciais do Ensino Fundamental.
Em 2000, aconteceu o reoordenamento, através do qual o estabelecimento passou a denominar-se ESCOLA DE EDUCAÇÃO BÁSICA "DOM JOAQUIM", atendendo somente o Ensino Fundamental de 5a a 8a série e o Ensino Médio.
Em 2003, assumem a direção as educadoras Valburga Beza Michels, Rosiani Cunha de Souza e Iêda de Oliveira Waterkemper, as quais ficaram até maio de 2004.
No ano de 2004, foi iniciada a obra do GINÁSIO POLIESPORTIVO em nossa escola. O qual era uma aspiração da comunidade escolar e também local.
Em 05 de maio de 2004, assumem Orildo De Biasi Raldi e Waldir da Rosa como Diretores Adjuntos e Rita Azevedo Felipe como Diretora Geral.
Em janeiro de 2005, assume Zélia Della Giustina Guinzani como Diretora Adjunta, substituindo Waldir da Rosa.
Em 2006, com a mudança da Legislação Estadual, Rita Azevedo Felipe é a Diretora da Escola e Zélia Della Giustina Guinzani é a Assessora.

A Escola de Educação Básica "Dom Joaquim" tem, aproximadamente, 1.500 alunos e um corpo técnico em torno de 70 funcionários.

Nenhum comentário: